A importância do adensamento de concreto

Imagem mostra construtores espalhando concreto no chão e traz a frase: Adensamento de Concreto
Powered by Rock Convert

Para a construção civil ser eficiente e oferecer um bom resultado no produto final, é importante que se conheçam técnicas e tecnologias distintas de construção, que apresentam como objetivo a melhora na entrega de diversos elementos, que atuam de forma específica para cada situação. Uma dessas técnicas é o adensamento do concreto.

Dessa maneira, você sabe o que é o adensamento do concreto? Qual a sua importância? Como ele é feito? Para explicar essa e outras questões, preparamos este artigo, continue lendo e confira!

O que é o adensamento do concreto

O adensamento do concreto consiste na movimentação do material, com objetivo de diminuir o número de vazios, bolhas de ar e excesso de água no interior do conteúdo do material, de forma que se obtenha um concreto compacto e denso.

O processo deve ser efetuado durante e imediatamente após o lançamento do concreto na obra. Essa compactação pode ser feita tanto por meio de processos mecânicos ou manuais, os quais demonstraremos de forma mais aprofundada adiante, neste artigo.

De maneira geral, os processos de adensamento do concreto provocam a saída do ar, facilitando o arranjo interno dos agregados e impedido a existência de bolsões de ar no material (que acaba gerando um concreto menos adensado).

Com isso, melhoras o contato do concreto com as fôrmas e ferragens. Já a energia e o tempo de adensamento do concreto variam de acordo com a trabalhabilidade do material.

Quando não feito o adensamento, as tensões de aderência entre a barra de aço e o concreto não são reduzidas de forma significativa, especialmente em concretos de alto desempenho.

Desse modo, toda mistura deve ser adensada de forma adequada para que se alcance as propriedades esperadas para o concreto endurecido.

Qual a importância de fazer um adensamento bem feito

Para que o adensamento do concreto seja bem executado, é importante que se siga os parâmetros considerados no processo da dosagem, especialmente aqueles que estão relacionados à resistência, mecânica e durabilidade do concreto, pois garantem que a camada de cobrimento seja homogênea.

Assim, o correto adensamento do concreto evita que a mistura fique porosa e desuniforme, influenciando, justamente e diretamente, na resistência e durabilidade.

Além disso, o nível de aderência e densidade aumenta com o bom adensamento do material, o que contribui para aumentar a sua impermeabilidade, importante fator que inibe a degradação das ferragens.

Outro ponto que devemos destacar diz respeito à diminuição da variação de volume, o que evita o surgimento de rachaduras, influenciando na qualidade final do produto.

Como é feito o adensamento do concreto

Como falamos anteriormente, o adensamento do concreto pode ser feito de duas maneiras: de forma manual (socamento ou apiloamento), ou por meio de processos mecânicos (vibração ou centrifugação).

Ambos métodos apresentam como objetivo fazer com o que o concreto preencha todos os espaços da fôrma, evitando assim, a formação de ninhos e a segregação dos componentes.

No caso do concreto armado, é importante também que se evite a vibração junto à ferrugem, o que evita que vazios prejudiquem a aderência do concreto com a armadura.

Adensamento manual

Conforme já falamos, o adensamento manual pode ser feito por socamento ou apiloamento. Ele pode ser efetuado com peças de madeira, ou por barras de aço que atuam como soquete, empurrando o concreto para baixo, comprimindo-o, e expulsando o ar incorporado, eliminando assim, os vazios.

A camada de concreto deve ser submetida a choques repetidos. Dessa maneira, o que importa não é a energia aplicada aos golpes, mas sim o número de golpes aplicados sobre o concreto.

O adensamento do concreto efetuado de forma manual é realizado por camadas do material, com espessura máxima de 15 a 20 cm para concreto sem slump. Para um concreto mais trabalhável, com espessura de 5 a 12, o processo de adensamento deve cessar assim que uma camada lisa de cimento e elementos finos aparecer.

Powered by Rock Convert

Especialistas alertam para a necessidade que se tenha um cuidado especial no enchimento de peças de grande altura, como pilares. Para essas situações, é importante acompanhar o enchimento com batidas de martelo na fôrma, tomando cuidado para escutar por onde possam estar os espaços vazios remanescentes.

É um processo que exige experiência e tem baixa eficiência, e que só deve ser utilizado em casos de emergência, ou em locais de pouca importância, por conta da dificuldade de um correto acabamento.

Adensamento mecânico

O processo de adensamento mecânico é o mais indicado, para não dizer o único aceitável, para obras de médio e grande porte. O adensamento mecânico deve ser realizado conforme a consistência do material, introduzindo e retirando a agulha do adensador lentamente.

Em geral,15 segundos são suficientes para adensar a área na qual a agulha está imersa, mas o tempo pode variar de acordo com a fôrma e equipamento.

Não se aconselha vibrar além do necessário, pois o vibramento em excesso pode ser pior do que a falta de vibração, uma vez que pode levar a segregação dos agregados, além de aflorar superficialmente a água de hidratação.

Os vibradores apresentam um raio de ação. Isto é, provocam o adensamento do concreto com eficiência para o material que está dentro do raio de ação, camadas subsequentes ou adjacentes.

Além da plasticidade do concerto, a eficácia do vibrador está condicionada também por outros fatores, como as dimensões da peça e a massa do concreto a ser adensada.

A mais baixa frequência e a maior amplitude determinam agulhas, no caso de vibradores de imersão, de maior diâmetro.

A alta frequência e menor amplitude, por sua vez, sugerem agulhas de menor diâmetro, condicionado o emprego de cada tipo de vibrador às dimensões das fôrmas a serem preenchidas. De forma geral, vibradores de alta frequência podem ser empregados para o adensamento para todos os tipos de concreto.

Vibradores Externos ou Internos

Os vibradores de concreto podem ser externos ou internos. Todavia, o mais utilizado é o vibrador de imersão (interno).

Para o método interno, o vibrador de imerso é formado por uma fonte de energia, que pode ser um motor de combustão interna, pneumática ou elétrico. Além disso, apresenta um eixo flexível, chamado de mangueira. Apresenta também uma cabeça vibrante, conhecida como agulha.

Esta agulha pode ter vários formatos, sendo o mais comum a seção transversal circular. 

Estes vibradores são rotativos e os impulsos vibratórios propagam-se de forma perpendicular à cabeça vibrante.

Para regular o método de adensamento mecânico, foi estabelecida a NBR 14931 – 2004, da ABNT, que estabelece que a espessura da camada de concreto a ser adensada com vibradores de imersão deve ser igual a ¾ do comprimento da agulha.

Outro ponto importante é que o vibrador deve penetrar cerca de 10 cm na camada subjacente do concreto. A agulha deve ser cravada de forma perpendicular à massa, com espaçamentos de aproximadamente 40 cm, o que geralmente representa o raio de ação do vibrador.

O tempo de vibração varia de acordo com a trabalhabilidade do concreto, podendo ficar entre 5 e 30 segundos para cada ponto.

O método externo, outro que é utilizado para adensar o concreto de forma mecânica, utiliza vibradores de superfície, como plataforma e máquinas vibroacabadoras, além de réguas. Podem ser utilizados vibradores externos, como mesas vibratórias, vibradores de parede de fôrmas, ou rolos compactadores vibratórios.

Os vibradores externos são fixados à parede da forma, sem tocar o concreto. Para utilizar essa alternativa, recomenda-se que a situação seja especifica: as colunas ou concretagens pesadas de ferragem podem causar arranhamento da cabeça de um vibrador interno.

Sendo assim, o adensamento do concreto é um método muito importante para aumentar a qualidade da concretagem, assim como aumentar a sua durabilidade, plasticidade e evitar infiltrações no concreto. Gostou do que leu? Então conheça as novas tecnologias no ensaio do concreto

Compartilhar

Posts relacionados

Posts em destaque

Menu