Saiba como fazer uma boa limpeza pós-obra

A limpeza pós-obra é uma ação fundamental para ser realizada após a conclusão de uma determinada construção. A limpeza do canteiro de obras serve para deixar o ambiente adequado para o uso e receber as vistorias previstas. Dessa forma, é importante saber como fazê-la.

A fim de abordar de forma profunda sobre esse assunto, fizemos este artigo para tratar sobre o tema. Falaremos sobre qual a importância dessa limpeza, vantagens e como fazê-la. Continue lendo e confira!

Qual a importância da limpeza pós-obra

Apesar de ser tão importante quanto a reforma, a limpeza pós-obra costuma ser negligenciada. Após a conclusão do trabalho, pode-se esperar por todo o tipo de resíduos e objetos no local da obra, como poeira, pó de gesso, resto de rejunte seco, adesivos por todos os cantos e manchas de cola.

Se você é um profissional da construção civil que já inclui essa atividade em suas construções, abordar sobre a importância desse serviço ao seu cliente é fundamental. Assim, é possível que seja cobrado pela realização desse serviço de maneira clara. Por isso, é importante destacar a sua necessidade.

Além disso, ao abordar sobre essa atividade, é importante orientar sobre como limpar toda a sujeira gerada durante a construção ou reforma, pois água, pano úmido e sabão, apenas, não serão suficientes para fazer uma limpeza completa.

Mas afinal, o que fazer na limpeza pós-obra? Essa ação consiste em coletar objetos que se acumulam na edificação após a conclusão da obra. Entre os objetos, destacamos parafusos, pregos, restos de fios ou qualquer outro material semelhante, embalagens, entre outros.

Após a remoção desses resíduos, é necessário fazer a remoção de sujeiras que ficaram impregnadas em elementos da construção e na superfície da obra. Essa ação é a mais complexa e exige o acompanhamento de profissionais capacitados e especializados em uso de equipamentos e produtos apropriados.

Afinal, o uso inadequado de equipamentos e produtos pode comprometer a qualidade do acabamento da obra, levando a um resultado pior do que o antes da limpeza.

Equipe especializada realiza limpeza pós-obra

Além de ter um claro objetivo estético, oferecendo ao cliente a entrega de um local limpo e adequado, a limpeza pós-obra serve também para poupar tempo dos futuros usuários e evitar que sejam desenvolvidos danos futuros.

Por meio desse serviço, é possível identificar pequenas falhas na obra e corrigi-las antes que se tornem um problema ainda maior.

Outro ponto muito importante dessa atividade está relacionado à vistoria do imóvel. Em geral, a vistoria ocorre para verificar se a construção foi executada de maneira adequada, seguindo o projeto e normas mínimas de conforto e salubridade. Contudo, além disso, serve para analisar o local.

Um ambiente sujo, cheio de resíduos e manchados pode ser reprovado em alguns aspectos, além de causar uma má impressão, especialmente em ambientes construídos para serem colocados à venda.

Assim, a vistoria da obra também é uma inspeção de qualidade e a primeira impressão costuma ficar na mente do avaliador. Portanto, quanto mais caprichada for a entrega, melhor para a empresa que executou o empreendimento.

Vantagens da limpeza pós-obra

Entre os principais benefícios, destacamos:

  • Praticidade e eficácia;
  • Resultados com Serviço de Nível Profissional;
  • Economia de tempo.

Praticidade e eficácia

O esforço para fazer a limpeza pós-obra é inversamente proporcional ao planejamento que se leva para realizar essa atividade. Ou seja, quanto mais planejamento, menor o esforço e quanto menos planejamento, mais dedicação é necessária para realizar a atividade.

Essa dificuldade está relacionada aos resíduos de cimento, poeira, sujeira pesada e demais objetos presentes no canteiro de obra. É exatamente quando paramos para imaginar um cenário como este que temos a noção que a obra não dispor de uma equipe preparada para isso é um problema grave.

Dessa maneira, pensar na limpeza pós-obra garante maior praticidade e eficiência para essa etapa.

Resultados com Serviço de Nível Profissional

Em muitas ocasiões, costumamos optar por escolhas que sejam mais viáveis no momento. É comum fazer a contratação de uma equipe ou profissional que ficará responsável por uma série de atribuições, imaginando que esta é a escolha mais produtiva, econômica e sensata.

Contudo, para a execução de uma limpeza do pós-obra, é importante que seja adotada uma metodologia adequada, aliando técnicas com o uso de equipamentos adequados. E tudo deve ser feito por profissionais muito bem preparados para essa atividade.

Por meio da contratação de serviço especializado na limpeza pós-obra, é possível alcançar os efeitos mencionados anteriormente.

Economia de tempo

Contratar mão de obra especializada para realizar a limpeza pós-obra gera economia de tempo, pois evita que as mãos de obra responsável por outros trabalhos percam o foco na atividade-fim do negócio.

Como fazer essa limpeza?

Para fazer a limpeza pós-obra, é necessário respeitar todo o processo, além de saber quais superfícies exigem determinados tipos de limpeza. Além disso, o uso inadequado de produtos pode levar danos irreversíveis para os elementos construtivos, como paredes e pisos.

Para realizar uma escolha correta, é necessário considerar os tipos de sujeira que devem ser limpas, além de avaliar os tipos de superfície que entrarão em contato com os produtos de limpeza.

Os produtos utilizados na limpeza após o término da obra podem ser alcalinos, ácidos ou neutros. O uso de cada um deles depende do tipo de resíduo que se deseja remover. Produtos neutros costumam ser confiáveis e não geram danos para as superfícies. Contudo, não são indicados para remoção de todo tipo de sujeira.

Eles são indicados para manutenção diária da obra após esta ficar pronta. Para a limpeza pós-obra, sua utilização deve ser aplicada para a remoção de pó e poeira dos ambientes.

Já os produtos alcalinos são indicados para a remoção de produtos que apresentam composição orgânica, como cola, cera, graxa, vaselina, tintas acrílicas e manchas de gordura. Entre os produtos alcalinos, destacamos detergentes concentrados e desengordurantes.

Para resíduos como terra, areia, gesso e cimento, é recomendado a utilização de produtos de base ácida. Vale destacar que a utilização dos produtos de limpeza com base ácida requer muito cuidado, pois estes podem manchar ou danificar superfícies de maneira fácil e permanente.

Assim, para usar o material é recomendado diluí-lo em recipientes antes de aplicá-los diretamente em uma determinada superfície. Ademais, é importante que se faça o teste em uma pequena área antes de fazer a limpeza completa no ambiente, verificando se a superfície se altera em questão de cor e brilho.

Além disso, é importante contar com ferramentas e equipamentos para limpeza pós-obra que sejam adequadas para isso, além dos produtos que já citamos.

Sendo assim, a limpeza pós-obra é uma etapa importantíssima. Funciona, na prática, como a cereja do bolo da construção, pois com ela a construtora consegue entregar uma obra melhor apresentável ao cliente.

Gostou do que leu? Então, conheça as vantagens da terceirização da mão de obra na construção civil!

Receba todas as nossas novidades sobre a construção civil

Cadastre-se agora na nossa newsletter, é grátis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :

Posts relacionados

Veja 7 dicas sobre licitação de obras e serviços de engenharia

Ecotelhado: entenda o que é essa alternativa sustentável

NR 21: cuidados para trabalhadores em canteiro de obras