Conheça 7 métodos construtivos e as vantagens de cada um

Profissionais e empresas da construção civil devem conhecer sobre os principais métodos construtivos e as suas vantagens para a construção. Eles servem para oferecer maiores possibilidades de construção e garantir que se obtenha uma obra de qualidade independentemente das condições.

Afinal, empresas e profissionais que sabem trabalhar apenas com um método construtivo têm desvantagens pois não existe apenas uma técnica ou procedimento que seja indicado para todas as situações existentes.

Com o intuito de abordar sobre o tema, fizemos este artigo. Abordaremos sobre o que é método construtivo, e faremos a reflexão sobre qual o melhor método existente. Em seguida, apresentaremos 7 métodos construtivos e as suas vantagens.

Ao final, falaremos quais são os métodos construtivos mais utilizados no país. Confira!

O que é método construtivo?

Método construtivo é conjunto de atividades, regras e procedimentos que definem como são fabricadas as construções. Dessa maneira, não é um processo aleatório. Muito pelo contrário, é um procedimento padronizado e que visa atender às condições impostas pelos materiais.

Os métodos construtivos são obtidos a partir do material disponível e das tecnologias existentes. A partir disso, surge a técnica.

Métodos construtivos rudimentares são um bom caminho para exemplificar. O tijolo de adobe, por exemplo, é um material feito a partir do barro, água e fibras vegetais. Simples de fazer, ele utiliza materiais abundantes em quase todas as regiões e é um processo bastante intuitivo.

Não à toa foi utilizado em larga escala em várias regiões do planeta terra. Então, de forma resumida: o método construtivo é o processo complexo que alia o material disponível à tecnologia existente para a construção de edificações.

Qual é o melhor método construtivo?

Uma dúvida muito recorrente nos primeiros períodos da faculdade de engenharia e arquitetura é a de determinar qual o melhor sistema construtivo existente. Logo, os futuros profissionais escolhem seus preferidos, mas somente com o tempo eles aprendem que não existe método construtivo pior ou melhor.

Tudo depende do contexto em que a obra será construída. Método construtivo que se baseia na estrutura metálica são ótimos para gerar grandes edificações, mas seu uso é caro e pode ser pouco sustentável, especialmente em países em desenvolvimento.

Além disso, esse tipo de estrutura é a mais recomendada para certas situações, como a construção de grandes vãos (estações de trem, estádios, entre outras).

Dessa forma, não existe melhor método construtivo, mas sim aquele que atende de forma mais completa as necessidades da obra, respeitando orçamento, estética preferencial do cliente e características estruturais que a edificação precisa apresentar.

7 métodos construtivos e as suas vantagens

Existem inúmeros métodos construtivos na construção civil. Apresentamos aqui alguns deles que estão em evidência na atualidade, como:

  • Light Steel Frame;
  • Container;
  • Concreto pré-moldado;
  • Construção off-site;
  • Wood Frame;
  • Alvenaria estrutural;
  • Estrutura metálica.

1. Light Steel Frame

Método construtivo que se utiliza de peças de perfis de aço galvanizado. É muito leve e concentra pouco calor, não sendo um problema para regiões muito quentes — desde que sejam tomadas medidas para sombrear ou resfriar as peças periodicamente.

O fechamento das obras que usam esse método pode ser realizado por meio de placas de madeira, drywall ou placas cimentícias. Entre as principais vantagens desse método, destacamos a agilidade na construção e leveza da estrutura, que exige menos das fundações.

2. Container

É um método relativamente novo e se baseia no uso de container para formação dos espaços. Dessa maneira, é um dos métodos construtivos mais sustentáveis, pois reutiliza um material que seria descartado.

Entre as vantagens, destacamos a velocidade da construção e versatilidade das construções, pois os containers podem ser removidos do local e serem utilizados em outros lugares. Por isso, o container é muito utilizado como container de obra.

Em regiões muito quentes, o container pode ser um problema por conta do calor. Todavia, existem soluções para mitigar o problema, como uso de cobertura ou mesmo sombra de vegetação natural.

3. Concreto pré-moldado

O concreto é um dos materiais mais utilizados na construção em todo mundo. Além do concreto feito in loco, existe a possibilidade de construir utilizando o concreto pré-moldado, produzido em indústrias.

Essa escolha oferece muitas vantagens, como a redução dos danos produzidos na produção do concreto – já que ele passa a ser fabricado em local controlado – aumento da qualidade das peças de concreto e maior agilidade na execução das obras.

4. Construção off-site

É um dos métodos construtivos que vem crescendo bastante no Brasil nos últimos anos. Consiste em fabricar os elementos da construção fora do canteiro de obras e só levar à obra quando ficarem prontos.

Dessa maneira, é uma importante estratégia para reduzir a produção de resíduos sólidos no canteiro de obra, além de diminuir a pressão de trabalho nesses ambientes.

Outro ponto importante está no aumento da qualidade, pois o canteiro, de maneira geral, não oferece uma boa condição para a produção de elementos utilizados na construção.

5. Wood Frame

O wood frame é um dos sistemas construtivos mais interessantes dos últimos anos, apesar de não ser ainda muito utilizado no Brasil. Seu uso é muito popular nos Estados Unidos. Uma das causas de o método não ser muito utilizado no Brasil está na grande umidade do ar, que prejudica essas estruturas.

Contudo, em regiões menos úmidas, como o sertão nordestino e regiões do cerrado, esse método pode ser uma solução muito interessante. O método utiliza estrutura com perfis de madeira de reflorestamento.

Entre as vantagens do método, destacamos o alto grau de conforto térmico e acústico, além da montagem das peças oferecerem uma construção ágil.

6. Alvenaria estrutural

A alvenaria estrutural é muito utilizada no país, especialmente para construções de prédios de poucos pavimentos. Nessas edificações, a alvenaria funciona também como o sistema estrutural, dispensando elementos como vigas e pilares.

Com isso, as paredes se tornam parte do sistema estrutural e não podem ser modificadas após a entrega da edificação.

Entre as principais vantagens desse método, destacamos o fato dele não exigir uma mão de obra altamente qualificada para a sua construção, o que o torna muito barato.

7. Estrutura metálica

A estrutura metálica não é um método construtivo recente. Começou a ser utilizado desde meados do século XIX e começou a ganhar popularidade com os esforços das indústrias em demonstrá-lo em exposições realizadas em todo o mundo.

Um grande exemplo disso é a Torre Eiffel, montada em Paris, que ficou exposta de forma experimental e seria desmontada para ser exibida em outros locais. Com o tempo, a torre se tornou um dos símbolos da cidade.

Entre as principais vantagens desse tipo de edificação, destacamos a agilidade na construção e a liberdade plástica para as edificações, pois o metal é um material bastante flexível.

Quais são os métodos construtivos mais usados no Brasil?

O Brasil é um país continental e está entre as maiores economias do mundo. Por isso, é comum que as diversidades de métodos construtivos utilizados sejam muito variadas.

Além disso, outros fatores influenciam. A escolha moderna de arquitetura foi muito influente no país, especialmente o brutalismo, que tem como característica o uso de concreto aparente. Por isso, métodos que utilizam o concreto são muito comuns no país.

Atualmente, cresce a demanda por métodos construtivos sustentáveis, como o uso do container, apresentado anteriormente.

A verdade é que existe uma grande gama de métodos construtivos, indicados para situações e casos particulares. O bom profissional é aquele que consegue equacionar as variáveis e a partir disso sugerir a melhor solução para aquela situação.

Aproveite e saiba por que o Steel Framing é uma técnica popular na Ásia e na América do Norte e pouco explorada no Brasil. 

Receba todas as nossas novidades sobre a construção civil

Cadastre-se agora na nossa newsletter, é grátis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :

Posts relacionados

NR 21: cuidados para trabalhadores em canteiro de obras

Saiba o que é a NBR 5410 e quando ela deve ser aplicada

Cálculo de materiais de construção: 9 dicas para economizar