BLOG

Revit: O que é e Tudo Sobre

Confira as principais informações sobre o Revit em nosso artigo do blog. Aproveite e confira outros conteúdos sobre o tema!
Compartilhe essa publicação
Aqui você vai encontrar:

O Revit é um software de modelagem de informações para construção BIM, usado em projetos de engenharia e construção civil, arquitetura e design. O programa é conhecido por ser complexo e exigir um tempo maior para aprendizado em comparação com o ArchiCAD, seu concorrente direto.

Apesar disso, ele é muito poderoso e completo, permitindo que profissionais realizem diversas atividades em todas as etapas de construção. Isso inclui a coordenação, integração e colaboração entre todos os envolvidos no projeto. Saiba o que é o Revit e tudo sobre ele nesse post.

O que é Revit?

O Revit é um software essencial para profissionais de arquitetura, urbanismo, engenharia e design. Ele viabiliza a tecnologia BIM (Building Information Modeling) e é usado para projetar, construir e gerenciar edificações.

Com o programa, é possível criar modelos 3D detalhados, que integram informações essenciais de projeto como estrutura, mecânica, elétrica e hidráulica. 

A Revit Technology Corporation, antes chamada de Charles River Software, desenvolveu o Revit em 1997, mas ele foi adquirido pela Autodesk em 2002. Isso ampliou o portfólio da empresa, que também é dona de softwares renomados como o AutoCAD e o 3DS Max.

Desde então, o Revit tornou-se uma ferramenta fundamental no cenário da arquitetura e engenharia civil, facilitando a criação de projetos complexos e bem integrados.

Revit e BIM são a mesma coisa?

Não podemos confundir a metodologia BIM (Building Information Modeling) ou Modelagem da Informação da Construção com uma ferramenta que utiliza a tecnologia BIM.

O BIM permite criar modelos de construção repletos de informações e dados de todo o ciclo de vida da obra. Nesse caso, todos os componentes do modelo estão interligados. Qualquer alteração no design, por exemplo, impacta, de forma automatizada e em tempo real, outras partes do projeto: como cortes, elevações e visualizações.

Esse procedimento é reconhecido como interoperabilidade, possibilitando que diversos profissionais contribuam com informações para o modelo de maneira simultânea.

O Revit não é o BIM. Ele é a ferramenta que o viabiliza, desenvolvendo e organizando processos construtivos de forma colaborativa na metodologia BIM.

Para que o Revit foi criado?

O Revit foi criado para ser uma ferramenta abrangente, que auxilia profissionais da área de construção e design na elaboração de projetos complexos.

Com o Autodesk Revit, é possível criar um projeto completo, desde sua estrutura até a parte arquitetônica, incluindo todos os sistemas complementares: como hidráulica, elétrica e mecânica.

Graças à sua capacidade de contemplar múltiplas áreas e oferecer uma variedade de funções, o software Revit permite a produção de projetos e de documentação detalhados e consistentes a partir dos modelos criados.

Os usuários podem criar modelos digitais precisos das edificações, pois o programa gera, de forma automática, o modelo 3D enquanto o projeto 2D é desenvolvido. Além disso, fornece a lista de materiais necessários para a construção. Isso faz do Revit uma ferramenta versátil e eficiente, agilizando o construtivo.

Quais profissionais podem usar o Revit?

O Revit é uma ferramenta essencial para o trabalho colaborativo de diversos profissionais envolvidos no ciclo de vida de projetos de construção. Aqui está como cada um se beneficia do software:

Arquitetos: Criam modelos 3D detalhados de edifícios, incluindo elementos estruturais, sistemas MEP e detalhes construtivos, ajudando na visualização e comunicação do design.

Engenheiros: Integrando disciplinas estruturais, mecânicas, elétricas e hidráulicas em um modelo BIM unificado, facilitam a coordenação e reduzem conflitos no projeto.

Construtores e Gerentes de Projeto: Usam o Revit para visualizar projetos, analisar a viabilidade construtiva e planejar a sua execução, otimizando cronogramas.

Designers de Interiores: Criam modelos detalhados com mobiliário, acabamentos e iluminação, permitindo visualizar os espaços finalizados.

Especialistas em MEP: Modelam sistemas mecânicos, elétricos e hidráulicos integrados ao projeto, facilitando a coordenação com a arquitetura.

➝ Consultores em Construção: Colaboram com várias disciplinas, oferecendo serviços de análise, simulação e otimização de projetos.

Estudantes e Educadores: Utilizam o Revit em programas educacionais para ensinar modelagem BIM e práticas de projeto colaborativo.

Como o Revit funciona na prática?

O Autodesk Revit funciona como um aplicativo de processamento de núcleo único. O programa utiliza a metodologia BIM (Building Information Modeling) para desenvolver edificações, permitindo a criação simultânea de múltiplos sistemas dentro de um projeto.

Ele é focado na criação de modelos virtuais tridimensionais com informações paramétricas detalhadas dos elementos construtivos. É diferente do AutoCAD, que é usado principalmente para desenhos bidimensionais, ou 2D.

Informações Paramétricas

As informações paramétricas dos elementos construtivos são como etiquetas digitais que contam tudo sobre um objeto no modelo 3D. Isso inclui o tamanho, o que é feito, como é feito, e até mesmo como o elemento se comporta em diferentes situações. Vejamos em detalhes:

Parâmetros geométricos: São os dados relacionados às dimensões e formas dos elementos construtivos, como comprimento, largura, altura, ângulos, curvas,entre outros. Esses parâmetros permitem criar e modificar a geometria dos objetos de forma precisa.

➝ Parâmetros de material: São as propriedades dos materiais utilizados nos elementos, como tipo de material, textura, cor, densidade, condutividade térmica, entre outros. Isso permite simular visualmente os materiais e suas características no modelo digital.

➝ Parâmetros de desempenho: Incluem informações sobre o desempenho dos elementos, como resistência estrutural, capacidade de carga, eficiência energética, comportamento acústico, entre outros. Esses parâmetros poderão ser utilizados para análises técnicas e de viabilidade do projeto.

➝ Parâmetros de construção: Envolvem informações que fazem parte da construção e montagem dos elementos. São exemplos os métodos de fixação, detalhes de conexão, tolerâncias dimensionais, sequência de montagem, entre outros. Isso auxilia na coordenação e execução eficiente da construção no mundo real.

➝ Parâmetros de documentação: São as informações necessárias para a documentação técnica. É o caso das listas de materiais, quantidades, especificações de produto, desenhos de detalhamento, entre outros. Esses parâmetros garantem a precisão e consistência na documentação do projeto.

Disciplinas

O software abrange 3 áreas principais: arquitetura, estrutura e sistemas, tornando-se assim um software abrangente e completo. É possível criar não apenas a estrutura principal de um edifício, mas também todos os sistemas complementares, como hidráulica e elétrica no software.

Além disso, o Revit é uma ferramenta valiosa para a criação de projetos de sistemas mecânicos, proporcionando um modelo digital preciso da edificação.

Projetos em 3D

O Revit é focado na criação de modelos virtuais tridimensionais com informações paramétricas detalhadas dos elementos. Ao contrário do AutoCAD, que é usado principalmente para desenhos bidimensionais, ou 2D. Assim, enquanto você projeta, ele constrói um modelo 3D de forma automática, economizando seu tempo e garantindo uma representação mais fiel da realidade.

Personalizações 

O programa oferece uma ampla gama de configurações que podem ser personalizadas de acordo com as necessidades do usuário. Ele permite aproveitar as mesmas configurações, definições e componentes já estabelecidos em vários outros projetos a partir do recurso de famílias. Isso otimiza o processo de trabalho e mantém a consistência nos modelos criados.

Atualizações dinâmicas

Cada elemento no Revit pode ser editado facilmente, e as informações são atualizadas em todo o projeto de forma dinâmica. Por exemplo, quando você move uma parede, todos os elementos conectados a ela, como portas e janelas, são ajustados de um jeito automático. Isso facilita o processo de design e garante consistência em todo o projeto. É possível construir tudo com facilidade, como fazer escadas, por exemplo.  

Plotagem e renderização

O software permite renderizar, ou seja, criar imagens realistas e atraentes a partir do modelo BIM, para mostrar como o projeto ficará na vida real. Isso inclui texturas, iluminação e sombras.

Também é permitido plotar. O que significa gerar um conjunto completo de desenhos técnicos (plantas, cortes, elevações e detalhes) a partir do modelo BIM. Assim é possível documentar e fazer impressões do projeto de construção.

Se você deseja criar imagens realistas e impressionantes, o Revit é o programa certo. Ele pode exportar o projeto para o software Autodesk 3ds Max.

O 3ds Max possui o V-Ray, um dos melhores renderizadores do mercado. Nele, é possível ajustar a iluminação e os materiais, conseguindo uma sensação de realidade ampliada.

Famílias no Revit

O Revit tem um recurso muito prático, as famílias paramétricas. Com elas, você pode criar e editar componentes do projeto de forma gráfica, sem precisar entender de programação. Isso facilita muito o aprendizado e a personalização do projeto conforme suas necessidades específicas.

Em resumo, famílias são grupos de elementos com características comuns de parâmetros e representação gráfica relacionada. É o caso de paredes, telhados e escadas, que podem ser personalizados conforme o projeto. Elas são divididas nas seguintes categorias:

➝ famílias do sistema: pré-definidas pelo software.

➝ famílias carregáveis: importadas ou criadas do zero pelo usuário.

➝ famílias no local: criadas conforme a necessidade específica do projeto, para dar mais organização e flexibilidade ao desenvolvimento do projeto de construção.

Colaboração no Revit

O Revit, como todo software BIM, é empregado de forma colaborativa,permitindo que diversos profissionais trabalhem em um único arquivo central. Isso elimina a necessidade de usar referências externas, como ocorre no AutoCAD.

No AutoCAD, as diferentes partes do projeto são desenhadas em arquivos separados e integradas ao arquivo principal por meio de referências externas (Xrefs). Essa prática comum em colaborações com múltiplos usuários, pode gerar desafios de versionamento e gestão de arquivos, especialmente em projetos complexos.

O que são os Modelos Federados?

Cada arquiteto ou engenheiro pode criar seus próprios arquivos e conectá-los a um arquivo central chamado de Modelo Federado. Nesse arquivo, o profissional tem acesso a todas as informações do projeto, como plantas, cortes, elevações, detalhes em 3D, tabelas e legendas.

Quando acontece qualquer alteração ou edição no projeto, todos os envolvidos conseguem ver as mudanças em tempo real, em suas próprias visualizações. Isso evita que informações importantes sejam omitidas ou fiquem sem atualização.

Quais são as versões do Revit?

Além da versão principal para arquitetura, o Revit também possui outras versões específicas. É importante notar que o Revit é compatível apenas com o sistema operacional Windows. Se um usuário possui um Mac, será necessário instalar o Windows para executá-lo:

Revit Architecture: Esta é a versão principal do Revit, focada em arquitetura e design de edifícios. Ela inclui ferramentas específicas para a modelagem de espaços, de elementos arquitetônicos, detalhamento de fachadas, criação de plantas baixas e elevações, entre outros recursos voltados para projetos arquitetônicos.

Revit MEP: Esta versão é dedicada à engenharia de sistemas MEP (Mecânico, Elétrico e Hidráulico). Ela oferece ferramentas para projetar sistemas de HVAC (aquecimento, ventilação e ar condicionado), sistemas elétricos e hidráulicos em edifícios, permitindo uma integração completa entre os aspectos arquitetônicos e de engenharia.

Revit Structural: Voltada para engenheiros estruturais, esta versão do Revit concentra-se na modelagem e análise de estruturas de concreto e metálicas. Ela inclui ferramentas para criar modelos estruturais detalhados, realizar análises de carga e resistência, gerar desenhos de detalhamento estrutural, entre outros recursos específicos para projetos de engenharia estrutural.

Revit LT: Esta é uma versão simplificada do Revit, oferecendo recursos básicos de modelagem e documentação para projetos arquitetônicos mais simples. É uma opção mais acessível para profissionais ou pequenas empresas que não necessitam de todos os recursos das versões completas do software.

Revit Estudante: Essa versão é voltada para uso educacional e possui restrições quanto ao uso comercial ou lucrativo. É projetada para permitir que estudantes de áreas como arquitetura e engenharia aprendam e pratiquem o uso do software em projetos acadêmicos, contribuindo para o desenvolvimento de suas habilidades em modelagem de informações da construção (BIM).

Como fazer download do Revit?

Para baixar o Revit de forma segura e legal, é importante acessar o site oficial da Autodesk, a empresa responsável pelo software. Lá, você encontrará diferentes opções de planos e assinaturas para escolher de acordo com suas necessidades, evitando baixar o Revit de sites desconhecidos, pois isso pode resultar em versões não oficiais e não confiáveis do software.

Licença grátis para estudantes e versões de avaliação

A Autodesk disponibiliza versões comerciais do Revit e versões gratuitas de avaliação por tempo limitado.

Estudantes e professores podem acessar uma licença gratuita do Revit para uso educacional no site da Autodesk. Basta seguir as instruções para baixar e desbloquear o acesso aos produtos da empresa. É importante lembrar que essa licença pode ser renovada anualmente, desde que o estudante continue cumprindo os critérios da Autodesk.

Quais são as vantagens do Revit?

O Revit oferece várias vantagens importantes. Listamos as principais:

➝ Flexibilidade total: Ao contrário de softwares como o AutoCAD, o Revit permite armazenar todos os dados do projeto em um único arquivo, facilitando a colaboração entre diferentes usuários e áreas.

➝ Estimativa mais precisa de quantitativos: o Revit simplifica a geração de quantitativos para orçamentos, mas ainda requer levantamentos manuais para orçamentos BIM. No entanto, essa etapa pode ser facilitada com o uso de plugins específicos.

➝ Modelagem 3D BIM: Com a ferramenta de modelagem paramétrica do Revit, é possível criar layouts rápidos e visualizar o projeto em 3D, proporcionando uma experiência mais completa do antes mesmo da execução da obra.

➝ Atualizações eficientes: As mudanças no Revit são feitas de forma eficiente, pois todas as partes do projeto estão interconectadas. Isso evita retrabalhos e agiliza o desenvolvimento do projeto.

➝ Plugins: Permite extensões que adicionam funcionalidades extras ao software, ampliando suas capacidades para tarefas específicas como o detalhamento de estruturas, projetos elétricos, hidrossanitários e orçamentos BIM 5D. Os plugins agilizam e simplificam essas atividades, eliminando passos desnecessários no Revit.

Quais são os desafios para usar o Revit?

O Revit apresenta certas desvantagens que podem afetar a experiência dos usuários. Apesar disso, muitos profissionais consideram a integração de informações e a agilidade na criação de projetos, aspectos que compensam os desafios. Vamos conhecê-los:

➝ Complexidade inicial: Antes de começar a projetar, é necessário configurar vários parâmetros no Revit. Isso pode ser visto como uma barreira inicial para alguns usuários.

➝ Ajustes necessários: As vistas e cortes gerados de forma automática pelo Revit a partir da planta baixa, muitas vezes. precisam de ajustes manuais para ficarem perfeitos. Isso pode demandar tempo adicional.

➝ Curva de aprendizado elevada: Os menus e comandos do Revit podem não ser tão intuitivos para alguns usuários, exigindo um treinamento mais aprofundado para aproveitar todas as funções do software.

➝ Adaptação ao novo sistema: Para se familiarizar completamente e ganhar agilidade no uso do Revit, pode ser necessário mais tempo de aprendizagem e adaptação do que com outros softwares, o que pode ser uma desvantagem para quem busca resultados rápidos.

➝ Desempenho do software: Projetos complexos podem afetar o desempenho do Revit, especialmente em hardware menos potente.

➝ Requisitos de hardware: O Revit exige hardware robusto para melhor desempenho, podendo causar problemas em computadores com especificações mais baixas.

➝ Personalização complexa: Personalizar o Revit de forma avançada pode ser difícil e exigir conhecimento técnico aprofundado.

➝ Integração com outros softwares: A integração com softwares CAD e de análise pode apresentar desafios ao importar/exportar dados entre diferentes ferramentas.

➝ Atualizações e compatibilidade: As atualizações frequentes do Revit podem causar problemas de compatibilidade entre versões, exigindo conversões de projetos antigos.

➝ Falta de alguns recursos específicos: Alguns usuários podem sentir falta de recursos específicos encontrados em outros softwares de modelagem 3D. Mas isso pode ser suprido através de extensões.

➝ Personalização de documentação: A personalização de desenhos e relatórios pode ser complexa e exigir habilidades específicas dos usuários.

Revit ou CAD?

Enquanto o CAD (Computer Aided Design) é mais tradicional e se baseia em desenhos bidimensionais (2D) de objetos estáticos, o Revit cria um modelo BIM tridimensional (3D), rico em informações sobre todos os elementos construtivos do projeto.

No Revit, qualquer modificação feita no modelo BIM é refletida em todas as partes do projeto em tempo real e de um jeito automático.

Por exemplo, se você alterar uma parede em 3D, as plantas, cortes, elevações e a lista de quantidades são atualizadas de forma instantânea para refletir essa mudança. Isso garante uma consistência e precisão muito maiores em comparação com o CAD, onde as atualizações podem ser mais manuais e demoradas, uma vez que cada desenho 2D precisa ser modificado separadamente.

Veja outras diferenças entre o AutoCAD e o Revit:

No AutoCAD, os desenhos são feitos separadamente, enquanto no Revit, partes do projeto são geradas de forma autônoma.

O AutoCAD usa comandos como "LINE" para desenho, enquanto o Revit tem comandos pré-estabelecidos para elementos como portas e janelas, facilitando o design e economizando tempo.

O AutoCAD é mais preciso em comandos, mas pode ser mais demorado, enquanto o Revit otimiza o tempo do usuário com comandos simplificados e automação de partes do projeto.

Em resumo, o Revit oferece uma abordagem mais integrada e eficiente para o design e a documentação de projetos de construção, garantindo a sincronização automática e em tempo real entre todas as informações da construção.

Como aprender a usar o Revit?

Para aprender o programa de forma eficiente, é recomendável começar com cursos específicos, tutoriais online ou até mesmo participar de workshops e treinamentos presenciais.

A prática constante é fundamental, pois permite explorar as diversas funções do software e se acostumar com sua interface. Além disso, aproveitar recursos como comunidades online, fóruns e grupos de discussão internacionais pode proporcionar insights e soluções para desafios comuns durante o aprendizado do Revit.

Melhores cursos online de Revit

Alguns dos melhores cursos online de Revit são oferecidos por plataformas renomadas como Udemy, Coursera e Autodesk University. Estes cursos abrangem desde fundamentos básicos até técnicas avançadas de modelagem e integração de projetos BIM. Além disso, há opções de cursos gratuitos e pagos, permitindo aos usuários escolherem de acordo com suas necessidades e orçamento. Veja alguns:

Imersão BIM – Descomplicando o Revit

Organizado pela comunidade Movimente by OrçaFascio, este curso online e gratuito oferece uma abordagem única, ensinando a criar um projeto integrado de engenharia e arquitetura em apenas 5 aulas práticas e rápidas. A formação abrange desde os conceitos teóricos essenciais do BIM até a compatibilização automática e a renderização, proporcionando uma experiência completa e eficiente de aprendizado.

Democratizando o BIM

Aprenda os conceitos e aplicações sobre BIM, e a importância da sua adoção nos processos de melhoria das obras públicas e para o aumento da sua competitividade no mercado brasileiro. Este curso virtual e totalmente gratuito é promovido pela Plataforma BIM BR, uma iniciativa do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços - MDIC e da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial - ABDI.

Formação Completa em Revit da Axiom Treinamentos

Curso online pago e abrangente, com mais de 1.000 aulas disponíveis, que incluem certificados oficiais da Autodesk reconhecidos internacionalmente. O curso oferece atualizações sobre o Revit 2025, garantindo aos participantes conhecimento atualizado e certificações válidas globalmente.

Curso de Revit para Engenheiros 5.1

Curso online e pago, com mais de 27 mil alunos capacitados, abrangendo mais de 80 horas de conteúdo distribuídas em mais de 250 aulas. O curso oferece atualizações sobre o Revit 2025 e um certificado reconhecido nacionalmente.

Curso de Revit para Arquitetos 7.1

Curso online com bom custo benefício, com mais de 13 mil alunos capacitados até o momento. O curso oferece mais de 250 aulas e é adequado para diferentes níveis de conhecimento em Revit. Ao concluir o curso, os alunos recebem um certificado de conclusão reconhecido nacionalmente.

Cursos de Orçamento BIM 5D e plugins Revit

Cursos rápidos, disponíveis online e totalmente gratuitos na Academia OrçaFascio para você aprender a otimizar o levantamento de quantitativos BIM, acelerar projetos elétricos e hidráulicos, e fazer o detalhamento estrutural em concreto armado com mais agilidade e precisão, utilizando plugins.

Você já usa o Revit para projetos em BIM?

Na OrçaFascio, oferecemos soluções acessíveis para acelerar projetos BIM no Revit, com foco na praticidade e simplicidade.

Nossos plugins capacitam profissionais de BIM, empreendedores, construtoras e órgãos públicos a acelerar e ampliar seus projetos elétricos de baixa tensão, bem como os projetos de água quente, fria e de esgoto no Revit.

Nossas soluções também simplificam o levantamento de quantitativos BIM sem necessidade de cálculos manuais e permitem o detalhamento rápido de estruturas em concreto armado. Além disso, a OrçaFascio oferece a primeira ferramenta nacional para aplicar inteligência de negócios a dados de projetos BIM, usando o Power BI. Essas soluções são essenciais para otimizar seus processos.

Revit 2025: saiba tudo sobre

Já está sabendo? A Autodesk lançou a nova versão do Revit 2025, trazendo uma série de melhorias e novas funcionalidades para seus usuários. Esta atualização inclui ferramentas aprimoradas para modelagem de informações de construção (BIM), desempenho mais rápido e uma interface de usuário mais intuitiva, facilitando ainda mais a criação de projetos arquitetônicos, de engenharia e de construção.

Com a versão 2025, os profissionais podem esperar uma experiência de design mais eficiente e colaborativa, alinhada às demandas modernas da indústria da construção civil.

Nossos especialistas prepararam um guia completo com todas as novidades da versão mais recente do principal software BIM do mundo! Baixe gratuitamente o e-book exclusivo Revit 2025: Conheça as principais atualizações e explore as incríveis melhorias e aprimoramentos em Arquitetura e no Sistema MEP.

Aproveite para descobrir  como a integração do software com plugins e ferramentas digitais pode acelerar e otimizar seus projetos, proporcionando um fluxo de trabalho ainda mais eficiente e produtivo.

Simplificamos seus projetos no Revit

Quer reduzir o trabalho e agilizar seus projetos no Revit?

A OrçaFascio te ajuda! Somos especialistas nas melhores soluções BIM e simplificamos tudo para você.

Você pode acessar este link para conversar com nossos especialistas. Eles podem recomendar os plugins mais indicados e que irão ajudá-lo a economizar tempo e expandir seus contratos. Se preferir, você pode iniciar um teste totalmente gratuito clicando aqui agora mesmo.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com quem possa aproveitá-lo! Não deixe de baixar gratuitamente nosso ebook Revit 2025: Conheça as principais atualizações.

Compartilhe essa publicação